Anuncios

Docentes, investigadores e funcionários protestam contra a precariedade

PORTUGAL.- Regularização de vínculos precários no Ensino Superior é baixa.

Para exigir a integração dos trabalhadores com vínculos precários no Ensino Superior, a Fenprof decidiu promover várias concentrações de docentes e investigadores a nível regional, nos próximos dias, e uma de carácter nacional, junto à residência oficial do primeiro-ministro.

Numa nota de imprensa, a Federação Nacional dos Professores (Fenprof/CGTP-IN) anuncia que irá realizar uma concentração nacional de docentes e investigadores contra a precariedade junto à residência oficial do primeiro-ministro, em Lisboa, «a ser marcada para a semana de 19 a 23 de Março, prevendo-se que possa vir a ter lugar no dia 23».

A concentração, de âmbito nacional, deverá culminar as que terão lugar na próxima segunda-feira em Évora (claustros da universidade, 11h) e Lisboa (reitoria, 16h30), e, na terça-feira, em Coimbra (Porta Férrea, 16h30), estando ainda previstas mobilizações em Braga e no Porto.

No texto emitido ontem, a Fenprof explica que estas iniciativas visam protestar contra o modo «como tem estado a ser aplicado» o Programa de Regularização Extraordinária dos Vínculos Precários na Administração Pública (PREVPAP), sendo que, até ao momento, é escasso o número de requerimentos aceites. Por isso, exige-se «uma mudança dessa situação».

 

abrilabril

Anuncios

Categorías

About el comunista (89314 Articles)
Síguenos en Twitter @elcomunistanet Síguenos en Facebook grupo: el comunista prensa roja mundo hispano Nuestro e mail: elcomunistaprensa@yahoo.com

Deja un comentario

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.

A %d blogueros les gusta esto: