Anuncios

Onyx usou verba pública para bancar voos durante campanha de Bolsonaro

Braço direito de Bolsonaro e futuro ministro da Casa Civil usou R$100 mil em verbas da Câmara para bancar viagens durante a campanha do presidente eleito.

Braço direito de Jair Bolsonaro e futuro ministro chefe da Casa Civil, o deputado federal Onyx Lorenzoni (DEM-RS) usou dinheiro público para bancar viagens durante a campanha do presidente eleito.

De acordo com apuração feita pelo jornal Folha de S. Paulo, registros da Câmara dos Deputadosmostram que o principal líder da transição de governo, apesar de seu discurso ético e moral, gastou R$100 mil em verbas da Casa para bancar voos durante o período oficial de campanha.

As principais viagens foram entre São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Porto Alegre e Juiz de Fora, cidade onde Bolsonaro sofreu um atentado em setembro.

A verba faz parte da cota parlamentar que os deputados têm para cobrir custos, como viagens, mas o uso é proibido para fins eleitorais.

Apesar do uso indevido, em entrevista, o futuro ministro minimizou e disse que agiu dentro da legalidade. “Eu não tenho que me defender de nada. Está tudo dentro, rigorosamente, dentro da legislação da Câmara dos Deputados. Enquanto congressista e deputado, eu tenho a prerrogativa e direito de andar no lugar do Brasil que eu quiser e eu estava ajudando a construir o que, hoje, nós estamos vivendo: a transição de um novo futuro para o nosso país”, disse nesta segunda-feira (31) durante participação no programa “Timeline”, da Rádio Gaúcha.

Por Revista Fórum

Anuncios
About el comunista (53734 Articles)
Síguenos en Twitter @elcomunistanet Síguenos en Facebook grupo: el comunista prensa roja mundo hispano Nuestro e mail: elcomunistaprensa@yahoo.com

Deja un comentario

Este sitio usa Akismet para reducir el spam. Aprende cómo se procesan los datos de tus comentarios.

A %d blogueros les gusta esto: